Pontos Turísticos em Vidigueira

  • Anta Grande de Corte Serrão

    Anta Grande de Corte Serrão
    Herdade de Corte Serrão, Vidigueira Conjunto dolménico composto por duas antas separadas entre si 27 metros. A anta Grande de Corte Serrão encontra-se no cimo de uma pequena elevação a...

  • Anta Pequena de Corte Serrão

    Anta Pequena de Corte Serrão
    Herdade de Corte Serrão, Vidigueira Integra um conjunto de duas mamoas, a outra de maiores dimensões, é separada apenas por 27 metros. Este monumento encontrava-se em melhor estado de...

  • Bica da Cascata Armoriada

    Bica da Cascata Armoriada
    Largo da Cascata, Vidigueira Chafariz de espaldar com tanque resguardado, de função utilitária.

  • Biblioteca Municipal da Vidigueira

    Biblioteca Municipal da Vidigueira
    Rua Longa
    7960-225 Vidigueira

  • Capela de São João Baptista

    Capela de São João Baptista
    Vidigueira, Vidigueira Capela de planta longitudinal composta por nave, capela-mor e sacristia. De traços simples, não deixa de causar grande impacto visual.

  • Capela de Santa Luzia

    Capela de Santa Luzia
    Rua de Santa Luzia, Vidigueira Capela de planta centralizada, de formas austeras, ao gosto da arquitetura do século 16. Edifício simples que possui no seu interior apenas um altar com...

  • Capela de São Brás

    Capela de São Brás
    Largo de São Brás, Vidigueira Capela simples com destaque para as pinturas murais, um dos espólios mais vastos e mais bem conservados da região.

  • Capela do Espírito Santo

    Capela do Espírito Santo
    Rua da Igreja, Vidigueira Pequena capela dedicada ao culto do Espírito Santo.

  • Casa Pulido

    Casa Pulido
    Largo Vasco da Gama, 4, Vidigueira A estrutura arquitetónica da casa segue o modelo tradicional regional, com formas austeras. Destaque para o conjunto de pinturas murais que decoram as...

  • Casa de João de Vila Nova e Vasconcelos Correia de Barros

    Casa de João de Vila Nova e Vasconcelos Correia de Barros
    Largo Violante, 17, Vidigueira Nesta casa nasceu a 9 de março de 1877 o arqueólogo João de Vila Nova e Vasconcelos Correia de Barros.